Escola do PCdoB
Currículo

A dinâmica do Modo de Produção Capitalista - Núcleo: ECONOMIA POLÍTICA E DESENVOLVIMENTO

Publicado em 01.03.2010

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO A dinâmica do Modo de Produção Capitalista Núcleo: ECONOMIA POLÍTICA E DESENVOLVIMENTO PCdoB / CNFP / ESCOLA NACIONAL / Grupo de Trabalho – Elaboração do Currículo

Nivel 1

1. O marxismo e a economia como determinação de última instância (carta de Engels a Bloch). O objeto de estudo da Economia Política marxista. Marx e a “imersão” de todas as relações econômicas na história concreta.

2. As distinções essenciais entre as economias Comunal Primitiva, Escravista, Feudal e Capitalista.

3. O que é o capitalismo. A acumulação primitiva do capital e as fases de cooperação simp les: manufatura e grande indústria. A I Revolução Industrial e a formação do exército industrial de reserva. Cap i talismo e desenvolvimento desigual. Capitalismo central e periférico.

4. Visão panorâmica (traços gerais) do desenvolvimento capitalista no Brasil. A revolução de 1930 e a industrialização brasileira. Noção e características de subdesenvolvimento.

Nivel 2

1. O método da Economia Política em Marx.

2. A categoria Mercadoria. Marx, a Mercadoria e o “Fetiche”.

3. Distinções entre excedente, lucro e a lei da mais-valia. Valor, lei do Valor.

4. O conceito de Capital. As fórmulas M-D-M; M-D-D'; D-M-D'; D-D'. A composição orgânica do capital.

5. A taxa de lucro e a lei da tendência de queda da taxa de lucro.

6. Capitalismo, contradição em processo; as formas e determinação das crises. O antagonismo do caráter privado, individual da apropriação e a produção cada vez mais social. As manifestações da crise (lei da tendência de queda, superprodução, desproporção entre departamentos).

7. A II Revolução Industrial. A I Grande Depressão. O imperialismo, fase superior do capitalismo. Da Grande Depressão de 1929-33 à II Guerra Mundial (1939-1945).

8. As fases da industrialização bras i leira: a "restringida", de 1930-1955; a "pesada", de 1956-1978. A crise do “milagre”. O II PND (Plano Nacional de Desenvolvimento). O endividamento dos anos 70 e a crise dos anos 80. O conceito de capitalismo tardio e dependente.

Nivel 3

1. A evolução do imperialismo. O pós-II Guerra e a economia mundial dos Acordos de Bretton-Woods.

2. A tendência à estagnação como característica do capitalismo sob a concorrência monopolista; e o desenvolvimento. O fim dos acordos de Bretton-Woods: causas e conseqüências. O neoliberalismo. A liberalização financeira.

3. A tendência à absolutização da hegemonia do capital financeiro. A categoria de “financeirização” da riqueza no capitalismo contemporâneo. O debate teórico sobre a “financeirização”.

4. As novas características das crises: superprodução e financeiras. As crises em retrospectiva (1974-75 a 2001).

5. A evolução da economia brasileira nas décadas de 1980 e 1990. Estagnação, desemprego e crise do mercado de trabalho no Brasil (1994-2003).

6. Debate das teorias econômicas sobre caminhos para o desenvolvimento brasileiro.

7. A Estratégia para um novo padrão de desenvolvimento; crescimento econômico sustentado e distribuição da renda e da riqueza. Por um novo Projeto Nacional de Desenvolvimento com Valorização do Trabalho.